5 Coisas para NÃO dizer às mulheres no Dia Internacional da Mulher (e nem nunca!)

No dia 08 de março, a gente comemora o Dia Internacional da Mulher. Uma data muito mais política do que comercial. Mas, você sabe o por quê? Nesse mesmo dia do ano de 1857, operárias de uma fábrica têxtil de Nova Iorque fizeram uma grande greve, por melhores condições de trabalho (redução da jornada de 16 pra 10 horas, melhoria de salário e um tratamento digno no ambiente, eram as 3 maiores reinvindicações).

As 130 mulheres que participavam sofreram uma única retaliação. Foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Todas morreram carbonizadas. Em 1910, numa conferencia na Dinamarca, o dia foi marcado com o “Dia Internacional da Mulher”, mas só em 1975 a data foi oficializada pela ONU em homenagem às tecelãs.

Agora que você sabe disso, parabenize as mulheres da sua vida. Mas separei aqui 5 coisas que você não deve dizer à elas (mesmo que, pra você, pareçam palavras incríveis):

1 – “Parabéns a essas guerreiras incansáveis”. Guerra não é estado natural de ninguém, e o que a gente mais está, é cansada!

2 – “Parabéns a elas que conseguem dar conta de tudo, sempre com um sorriso no rosto”. Mude o discurso, ofereça ajuda e seja proativo.

3 – “E no fim do dia se valoriza, se arruma e fica linda, emanando luz e força pra todos”. Não reduza os elogios somente as características físicas e “místicas”. Tem muito mais coisa pra elogiar. Dê valor as habilidades reais e individuais.

4 – “A você, mulher, que dá conta de tudo e ainda me enche de carinhos.” Não é legal cuidar de tudo sozinha. A desigualdade na divisão do trabalho doméstico não é ok. Faça a sua parte!

5 – “Parabéns pra essa mulher que briga, esperneia e grita, mas que aprendi a respeitar seus ciclos e sua tpm”. 0 paciência, melhore!

Mais dicas grátis: você pode substituir o textão pra mulher perto de você por:
– Não chamá-la de louca numa discussão;
– Fazer as tarefas domesticas sem que ela precise te pedir;
– Não considerar os interesses dela fúteis e os seus válidos;
– Não rir das piadas/comentários machistas e idiotas dos seus amigos;
– Não taxá-la de agressiva ao se posicionar, mas admirar os homens quando fazem o mesmo;
– Arcar com a sua responsabilidade emocional;
– Não tentar invalidar quando ela te apontar uma atitude machista, mas procurar entender o por quê;
– Não interrompe-la enquanto fala;
– Valorizá-la nos outros 364 dias (o mínimo…)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui